Carrefour lança marca própria de orgânicos 30% mais baratos

Atendendo apelo do consumidor moderno que quer comida saudável à mesa, rede apresenta a linha Carrefour Bio com 100 produtos sustentáveis

A rede de supermercados Carrefour acaba de lançar uma linha própria de produtos orgânicos, a Carrefour Bio, como um esforço para adequar sua atuação para um novo mercado em crescimento e ainda mais intensificado com a pandemia: o da alimentação saudável. Com a missão de democratizar o acesso a produtos naturais, os preços praticados na linha Carrefour Bio são até 30% mais baratos quando comparados a outras marcas orgânicas tradicionalmente mais caras.

“Desde 2018, queremos fazer o consumidor comer bem, democratizar os preços e deixar os produtos sustentáveis cada vez mais acessíveis. Faz parte do nosso posicionamento de marca e missão como empresa”, diz Allan Gate, diretor de marcas próprias do Carrefour.

São cerca de 100 opções de produtos saudáveis e sustentáveis que vão desde azeite, óleo de coco e açúcar a mel e diferentes tipos de chás. Com o lançamento, a rede avança no oferecimento de produtos orgânicos que vão além dos itens básicos. Dentre as 42 opções de produtos de mercearia, encontramos água, massa de lasanha, mostarda, ketchup, açaí, molho de tomate, palmito, geleia e cafés – inclusive de cápsula.

No setor de perecíveis, a linha traz mais de 60 opções de frutas, legumes e verduras. Todos os produtos possuem certificação orgânica brasileira, com o Selo SisOrg (Sistema Brasileiro de Avaliação de Conformidade Orgânica).

Além de serem orgânicos, os produtos Carrefour Bio passam por um rigoroso processo de controle de qualidade antes de chegar às gôndolas e prateleiras. Os fornecedores da rede são auditados com base em regras de responsabilidade social e são homologados pela norma brasileira de certificação orgânica.

Para reduzir o preço na ponta, o Carrefour atualizou os contratos de parceria com os pequenos e médios fornecedores, zerando os valores de logísticas e contratos, além de diminuir o número de fornecedores associados. “Simplificamos a vida desses pequenos fornecedores, para que eles não tenham mais receio em entrar em uma grande rede como a do Carrefour”, diz.

Antes do Carrefour Bio, as marcas próprias representavam apenas 4% das vendas de produtos orgânicos da rede. Nos últimos meses, esse percentual cresceu para 20%. Na lista de marcas próprias está a ‘Viver’, também de itens saudáveis, que foi agora adaptada para não ter mais orgânicos, apenas itens ‘saudáveis’ – com menor teor de gorduras saturadas, sódio, entre outros componentes.

As projeções para alimentação saudável são positivas e as metas do Carrefour sobre o tema são ambiciosas. Até 2022, a rede quer que os orgânicos sejam responsáveis por 50% de todos os produtos próprios vendido nas lojas.

Compartilhe esta noticia!

Posts Relacionados