Varejistas fazem promoções em combustíveis para aumentar fidelidade

Programas de recompensas trazem benefícios extras em período de alta do preço do petróleo

*Renato Müller

Com a elevação do preço dos combustíveis em todo o mundo por causa da invasão da Ucrânia, oferecer benefícios para que os clientes abasteçam seus veículos se transformou em um chamariz interessante para os programas de fidelidade do varejo.

Nos Estados Unidos, por exemplo, o Walmart oferece um desconto de US$ 0,10 por galão para os clientes do seu programa Walmart+ em postos conveniados em todo o país. Já a rede de autopeças Advanced Auto Parts oferece um desconto de US$ 0,05 por galão em compras acima de US$ 50 nas lojas da rede.

Mais agressivo, o clube de atacado BJ’s Wholesale oferece US$ 0,50 de desconto por galão para membros de seu programa fidelidade em compras acima de US$ 100. Na rede de supermercados Kroger, o programa de fidelidade Boost, lançado em novembro passado, oferece pontos em dobro na compra de combustíveis nos postos instalados no estacionamento das lojas.

Com o preço médio do galão de gasolina em US$ 4,14 (há um ano, estava em US$ 2,89), um desconto de US$ 0,10 (2,4%) pode ser atraente para boa parte dos consumidores. “O varejo é um negócio de oportunidades, e o preço dos combustíveis oferece um incentivo para atrair clientes e estimular a fidelidade do público”, comenta Eric Dzwonczyk, colíder global para as áreas de restaurantes, hospitalidade e lazer da empresa de consultoria AlixPartners.

Além de trazer mais fluxo imediato para os pontos de venda, esse tipo de ação também tem um impacto econômico significativo – que pode ser revertido em compras adicionais de supermercados. Segundo um estudo do JPMorgan Chase, para manter o mesmo padrão de consumo, os americanos precisam gastar US$ 23 bilhões a mais por ano a cada 10% de aumento no preço dos combustíveis.

A oferta de descontos em combustíveis parece estar funcionando. Na Advanced Auto Parts, por exemplo, mais de 12,6 milhões de clientes fidelidade têm acesso ao benefício, que vem sendo um pilar para atrair novos consumidores para as lojas. Já a rede de supermercados Bojangles, do sul dos EUA, está oferecendo US$ 1 milhão em cupons de descontos de US$ 10 para quem compra as refeições tamanho-família oferecidas nas lojas. “O varejo vem tendo retorno com essas ações, e irá continuar a procurar formas de atrair mais público mesmo depois que os preços dos combustíveis se normalizarem”, acredita Dzwonczyk.

Compartilhe esta noticia!

Posts Relacionados