INDÚSTRIA SENTE AS CONSEQUÊNCIAS DA PANDEMIA EM MARÇO

Indice apurado pela GS1 Brasil revela salto negativo nas intenções de lançamentos no acumulado dos últimos 12 meses

Vários setores da economia apresentam resultados negativos neste primeiro trimestre e a indústria recuou mais uma vez a intenção em lançar produtos. O Índice GS1 Brasil de Atividade Industrial para o mês de março apresentou queda de -9,8% na comparação com o mês anterior no dado livre de efeitos sazonais. No acumulado de 12 meses, o índice apresenta queda de -4,1%. O índice mede a intenção da indústria brasileira em lançar novos itens no mercado a partir da solicitação de códigos de barras, que são atribuídos pela Associação Brasileira de Automação (GS1 Brasil).

“Em março do ano passado, iniciávamos as restrições de atividades no País, o que impactou diretamente a economia nacional, com reflexos no índice de atividade industrial”, analisa Virginia Vaamonde, CEO da GS1 Brasil. “Agora, em março de 2021, observamos uma recuperação em relação ao ano anterior, mas vale considerar que as restrições se intensificaram novamente, o que pode impactar na confiança da indústria e, consequentemente, no índice para os próximos meses.”

Fonte: Redação SuperHiper

Posts Relacionados

Fique por dentro de nossas novidades