Coca-Cola amplia ações na pandemia com apoio à vacinação e combate à fome.

Recursos destinados a ações humanitárias no Brasil chegam a R$ 55 milhões de reais e beneficiam a população mais vulnerável

Coca-Cola amplia ações na pandemia um apoio à vacinação e combate à fome. Recursos destinados a ações humanitárias no Brasil chegam a 55 milhões de reais e beneficiam a população mais vulnerável. Em março de 2020 quando o Brasil e o mundo começaram a sentir os impactos sociais e econômicos provocados pela pandemia de Covid-19, Coca-Cola Brasil decidiu usar a tradição e a força da sua marca a serviço da solidariedade.

Além de ajudar seus principais parceiros duramente afetados pelas medidas necessárias para a contenção da doença, a empresa destinou recursos para ações de apoio à saúde e de combate à fome.

No total, entre março do ano passado e junho deste ano, foram disponibilizados 55 milhões de reais. Para beneficiar o maior número possível de pessoas a Coca-Cola e o Instituto Coca-Cola Brasil contam com uma rede de ONGs parceiras, entidades e outras grandes empresas.

“Logo no início da pandemia percebemos que seria necessária a mobilização de todos, inclusive das grandes empresas para sair mus dessa situação juntos. Em março de 2020, quando ainda não fazíamos ideia de quanto tempo a crise sanitária se estenderia, sabíamos que precisávamos agir com rapidez para ajudar as comunidades mais vulneráveis”, diz Silmara Olívio, vice-presidente de relações corporativas da Coca-Cola.

Em fevereiro deste ano, Manaus, onde funciona a maior fábrica de concentrados de Coca-Cola do mundo, entrou em colapso em decorrência da falta de oxigênio para as pessoas internadas com Covid.

A empresa, que há mais de 30 anos mantém projetos de apoio à comunidade local, doou usinas. E cilindros de oxigênio, além de materiais hospitalares EPIs. Agora, o foco é garantir que a vacina chegue às regiões mais afastadas.

“Em nossa mais recente ação no estado, a Coca-Cola Brasil se juntou ao movimento Unidos pela vacina e, com recursos da The Coca-Cola Fundation está apoiando cerca de 51 municípios no interior. Estamos chegando a municípios que tem uma logística muito particular para acesso, onde a empresa já atua e conhece as características locais, facilitando o trabalho”, afirma Silmara Olívio.

A ação beneficia cerca de 1,8 milhão de pessoas. Em 13 dos 51 municípios estão comunidades que fazem parte da cadeia de produção do guaraná, incentivada e apoiada pela Coca-Cola Brasil gerando emprego para mais de 300 famílias.

Paralelamente, o Instituto Coca-Cola Brasil realiza diversas ações no combate à fome no Amazonas e em outros estados. Nos meses de maio e junho, o ICCB, ao lado da ONG Gastromotiva e do Instituto PHI, distribuiu 51 mil refeições para pessoas em situação de extrema vulnerabilidade em Manaus.

Toda a comida foi preparada por profissionais formados pela ONG e nas cozinhas das próprias casas com o suporte do projeto Cozinhas Solidárias, da Gastromotiva.

“Sei do impacto na vida delas. Essas pessoas não vão esquecer que teve um dia um grupo da Cozinha Solidária Gastromotiva e da Coca-Cola Brasil que se preocupou com esse povo tão necessitado”, diz Marlene Cavalcante cozinheira que participou do projeto.

Ação da cidadania

A Coca-Cola Brasil também lançou no final de maio a iniciativa “Por todas as mesas” para doação de 2,5 bilhões de refeições com bebida a ONG ação da cidadania por um prazo de 2 meses. Usando a força da sua marca, a Coca-Cola doa 50 centavos de cada pedido que contenha produtos nas plataformas de entrega de comida iFood, Rappi, Uber Eats, Aiqfome eWabi. Além disso, ofereceu R$ 1 milhão em vouchers de R$ 5 para os pedidos feitos em restaurantes pequenos cadastrados no iFood.

As refeições com bebidas estão sendo distribuídas pela ONG Ação da Cidadania por meio da prestigiada campanha “Brasil sem fome” a instituição conta com uma rede de mais de 2000 entidades parceiras espalhadas por 26 estados e Distrito Federal.

Com mais de um mês da ação “Por todas as mesas“, a ONG já atua com mais de 280 entidades em 16 estados e no Distrito Federal. “Essa parceria inédita fortalece ainda mais a nossa contribuição para famílias que sofrem com a pobreza extrema.

A conscientização de empresas tão representativas como a Coca-Cola sobre a fome é resultado de uma corrente de solidariedade que a população tanto precisa neste momento”, diz Kiko Afonso diretor executivo da Ação da Cidadania.

Silmara destaca que, por meio da distribuição de alimentos, desde 2020, o ICCB impactou 13,6 bilhões de pessoas em parceria com mais de 100 instituições. “A pandemia nos provou a importância de agir coletivamente. Para gerar impactos reais na vida das pessoas”, diz.

Compartilhe esta noticia!

Posts Relacionados