Duracell apresenta nova tecnologia de segurança em suas pilhas moeda

Marca desenvolveu pilha-moeda do mercado com gosto amargo para reduzir risco de ingestão

A Duracell, se mostrando preocupada com a segurança infantil, lançou uma inovação em seu portfólio de pilhas do tipo moeda. 

Com aparelhos cada vez menores e demandando uma quantidade maior de energia, a utilização de pilhas-moeda vem crescendo em aparelhos que fazem parte do dia a dia da família, como controles remotos, alarmes de carro, balanças de cozinha, termômetro digital, entre outros, o que pode representar grande risco para crianças pequenas e bebês e um ponto de atenção para o pais.

Investindo em inovação e segurança com o objetivo de prevenir esse tipo de acidente, a Duracell dá um passo à frente e traz para o Brasil a pilha-moeda com a tecnologia Bitrex, de acordo com a empresa, a substância mais amarga do mundo, que previne a ingestão e que pela primeira vez é colocado em uma pilha. Trata-se de uma camada protetora aplicada na própria pilha-moeda que contém cheiro forte e gosto amargo, desencorajando as crianças de efetivarem a ingestão. Essa camada na pilha não é tóxica e é totalmente inofensiva se for engolida.

Além do gosto repulsivo aplicado na própria pilha-moeda, outros atributos de segurança estão presentes nas pilhas moeda Duracell. Entre eles, embalagem com trava de segurança para que apenas adultos consigam abrir, utilizando tesoura ou faca, e aviso de segurança gravado na pilha e na embalagem para lembrar os pais de manter as pilhas moeda fora do alcance das crianças.

Compartilhe esta noticia!

Posts Relacionados