Mercado de chocolate, um ponto fora da curva em 2021

Produção disparou nos 3 trimestres deste ano em comparação ao ano passado

A indústria de chocolate produziu 511 mil toneladas de janeiro a setembro de 2021, de acordo com os dados da Associação Brasileira da Indústria de Chocolates, Amendoim e Balas (Abicab), coletados pela KPMG. O valor representa um crescimento de 44%, quando comparado com o mesmo período de 2020.

No ano passado, até o terceiro tri, o valor registrado foi de 354 mil toneladas produzidas pela indústria de chocolate. A retomada de produção após período de retração e incertezas decorrentes da pandemia, além de inovação e lançamento de novos produtos são as principais justificativas para o aumento de produção neste ano.

“O aumento da produção já havia sido expressivo nos dois primeiros trimestres e tínhamos a expectativa dos resultados continuarem evoluindo. Com a produção de chocolate, até o terceiro trimestre de 2021, já atingindo a marca de 511 mil toneladas, a perspectiva é que o setor feche esse ciclo com um resultado bem relevante para o segmento”, diz Ubiracy Fonseca, presidente da Associação Brasileira da Indústria de Chocolates, Amendoim e Balas (Abicab).

Compartilhe esta noticia!

Posts Relacionados