SETOR SUPERMERCADISTA DISTRIBUIRÁ CARTÕES DE COMPRA DE ALIMENTOS

Objetivo é auxiliar famílias vulneráveis. Cartões no valor de R$ 100 poderão ser usados em todo o país e serão custeados por doações de empresas e pessoas físicas

O setor supermercadista lançará nesta quinta-feira, dia 21 de abril, a campanha Doação Super Essencial, que arrecadará recursos que serão destinados à distribuição de cartões no valor de R$ 100 para a população vulnerável fazer compras em todos os supermercados do país. A iniciativa da Associação Brasileira de Supermercados (Abras) envolverá suas 27 afiliadas estaduais e terá uma ação inicial organizada pela Associação Paulista de Supermercados (Apas).

A operação tem o apoio da ONG Ação Cidadania e do Centro de Excelência contra a Fome do Programa Mundial de Alimentos (WFP) das Nações Unidas. A Associação Brasileira da Indústria de Alimentos (Abia) também tem papel importante na campanha, atraindo a participação do setor nas doações.

Para João Galassi, presidente da Abras, a ação solidária é fundamental no momento em que uma parcela considerável da população brasileira não tem acesso pleno e permanente a alimentos e itens de primeira necessidade por conta da crise financeira agravada pela pandemia do coronavírus. “Todos os setores da sociedade precisam estar unidos para socorrer as famílias que foram atingidas pela pandemia. A adesão de empresas de todo o país à campanha é uma forma prática de ajudar efetivamente a aplacar a fome que assola milhões de lares brasileiros”, afirma Galassi. Segundo ele, a iniciativa inédita, que une empresas de todo o Brasil e pessoas físicas, reforça o legado de compaixão e solidariedade no combate à fome, causa sempre defendida pelo setor supermercadista.

A distribuição dos cartões se dará de duas formas. Pode ser feita pela própria empresa que fez a doação e quer ajudar alguma comunidade específica, seguindo os critérios de elegibilidade dos programas sociais de estados e municípios. Ou, caso a empresa não queira se responsabilizar pela distribuição, os cartões são entregues pela Apas e Abras para programas sociais de governos de estado e prefeituras, que encaminharão a doação aos mais vulneráveis das comunidades carentes mapeadas por seus programas sociais.

O cartão não é recarregável, mas pode ser usado várias vezes em supermercados diferentes, até que todo o valor de 100 reais seja gasto. A produção dos cartões e o envio serão feitos pelas bandeiras Alelo, Ticket e Sodexo, conforme acordado com a Associação Brasileira das Empresas de Benefícios ao Trabalhador. As operadoras também prestarão assistência aos usuários no esclarecimento de dúvidas sobre a utilização do saldo através de telefone impresso no verso dos cartões.

Todo o processo terá auditoria independente e o nome da empresa doadora será impresso no lote de cartões doados, sinalizando a autoria da doação. “Empresas doadoras estarão fortalecendo suas marcas já que neste momento de pandemia os consumidores estão ainda mais atentos aos valores solidários das empresas. Além disso é mais prático participar de uma campanha já estruturada. Isso facilita a vida de quem quer ajudar, mas não sabe como”, completa Ronaldo dos Santos, presidente da Apas. Santos lembra ainda que essa corrente do bem é fundamental para garantir o abastecimento seguro e permanente das famílias mais necessitadas, assegurando que a essencialidade que pauta o setor supermercadista realmente atenda a toda população.

Além de estimular a solidariedade em tempos de pandemia com foco no combate à fome, a doação através de cartões de compras traz uma grande vantagem. Cada família pode escolher como vai gastar os 100 reais, adquirindo nos supermercados os alimentos e itens de primeira necessidade de sua preferência. Essa liberdade de escolha para quem vive em situação de vulnerabilidade representa dignidade e resgate de cidadania.

Interessados em doar devem acessar o site www.doacaosuperessencial.com.br ou ligar para 0800 444 4444.

Fonte: Redação SuperHiper

Posts Relacionados

Fique por dentro de nossas novidades