Evento promove o debate sobre inclusão e equidade de gênero

Organizado pelo Instituto Mulheres do Varejo, encontro contou com a participação de importantes executivas e fomentou a diversidade e a inclusão da mulher no ecossistema empresarial

Como transformar o ecossistema dos negócios para que empresas atinjam patamares mais sustentáveis e inclusivos? Esse foi um dos principais questionamentos feitos no evento Voice & Choice: Como o poder da escolha pode empoderar todo o ecossistema dos negócios, promovido pela Instituto Mulheres do Varejo no espaço de convenções da Associação Paulista de Supermercados nesta quarta-feira (09).

“Um evento como esse sai do feminino. A gente trouxe de uma forma muito enfática que, primeiro, é sobre resultados, segundo, e, acima de tudo, é sobre cidadania, então empresas cidadãs são empresas de melhores resultados.”, enfatizou a presidente do Instituto Mulheres do Varejo, Vanessa Sandrini, que foi categórica ao dizer que não irão sobreviver empresas que negligenciam ser uma empresa cidadã.

Com o auditório não só repleto de mulheres executivas, mas também de homens que apoiam a desconstrução das disparidades entre os gêneros nas companhias (estiveram presentes cerca de 240 pessoas), o evento serviu de catalisador para as empresas promoverem uma mudança estrutural inclusiva no ecossistema varejista rumo a um ambiente inclusivo, igualitário e plural.

“Hoje o varejo brasileiro tem apenas 16% das mulheres em cargo de liderança, um número pífio diante dos números que nós temos de colaboradores mulheres. É preciso fomentar, desenvolver, educar, e é esse o papel que o instituto propõe hoje a fazer: desenvolver o líder homem para que ele possa desenvolver a líder mulher, e partir disso, homens e mulheres juntos passam a ser essa nova liderança.”, destacou Sandrini.

Rachel Maia, CEO e fundadora da RM Consulting, estava entre as palestrantes e reforçou: “que um dia a gente não precise mais falar sobre diversidade, porque ser diverso será nosso jeito de viver.” Mediada pela jornalista Letícia Vidica, a mesa-redonda contou também com a participação de Dani Junco, idealizadora da B2Mammy, primeiro hub de inovação focado em tornar mulheres líderes e livres economicamente, e Elisa Tawill, co-fundadora e líder do Mulheres do Imobiliário.

Mais que uma homenagem ao Dia Internacional da Mulher e estimular diálogos e reflexões sobre a equidade, o evento tratou de criar mecanismos para promover uma mudança efetiva no cenário coorporativo.

Compartilhe esta noticia!

Posts Relacionados