Ex- CEO da Tesco é contratado para atuar como gestor de crise de setor alimentos no Reino Unido

O executivo Dave Lewis será o novo consultor de Boris Johnson junto à cadeia de suprimentos que antevê seríssimos problemas até o Natal

Boris Johnson contratou o ex-CEO da Tesco, Dave Lewis, como o novo consultor da cadeia de suprimentos do governo para ajudar a gerenciar a ampla interrupção que assola toda a indústria de alimentos no período que antecede o Natal.

Lewis trabalhará com o Cabinet Office para “resolver rapidamente questões agudas de curto prazo”, bem como aconselhar sobre melhorias de longo prazo nas cadeias de suprimentos britânicas.

Isso incluirá a identificação das causas da escassez contínua de mão-de-obra e alimentos, bem como o aconselhamento sobre resoluções “por meio de ação direta do governo ou por meio da indústria com o apoio do governo”.

No início desta semana, Johnson disse aos líderes empresariais que evitar a escassez de alimentos no Natal era sua responsabilidade, alegando que “o governo não pode intervir e consertar cada pedaço da cadeia de abastecimento”.

Lewis também co-presidirá o novo Grupo Consultivo da Cadeia de Suprimentos formado por especialistas da indústria e a nova Força-Tarefa da Indústria, que procurará “garantir que aqueles no local tenham a oportunidade de expressar suas preocupações e aconselhar sobre as resoluções mais eficientes”.

Fazendo o anúncio, o primeiro-ministro disse “atualmente existem problemas de abastecimento global que estamos trabalhando com a indústria para mitigar e Dave traz uma vasta experiência que nos ajudará a continuar a proteger nossos negócios e cadeias de abastecimento”.

Esta não é a primeira incursão de Lewis em Whitehall. Em 2008, foi nomeado presidente da Comissão de Saúde Pública pelo então partido conservador de oposição. O grupo de trabalho publicou uma lista de recomendações sobre questões de saúde pública em relação à dieta, consumo de álcool e atividade física.

O relatório tornou-se um pilar do ‘Acordo de Responsabilidade pela Saúde Pública’ do próximo governo conservador. Lançado em março de 2011, teve como objetivo a parceria entre governo, órgãos de saúde e empresas, com o objetivo de melhorar a saúde da população.

Lewis já assumiu sua nova função na última segunda-feira, permanecendo no cargo até o final do ano.

Compartilhe esta noticia!

Posts Relacionados