Investida sustentável da PepsiCo apresenta seus resultados

Redução no uso de plástico e substituição dos canudos de plástico para papel estão no centro das estratégias. Confira os resultados

A PepsiCo anunciou que já conseguiu reduzir em 9,8% o uso de plástico graças aos seus projetos de diminuição do peso da garrafa e da tampa de suas embalagens. Isso significa uma redução de duas toneladas deste material. A empresa também chegou à marca de 90% de plástico reciclável na composição de suas garrafas PET.

No Brasil, considerando as garrafas pet de Pepsi, H2OH! e Lipton, 90,7% dos plásticos usados nas embalagens da companhia já são recicláveis. Em 2020, a soma do PET reciclado utilizado nas embalagens foi equivalente a mais de 100 milhões de garrafas de 1,5 litro.

Desde 2020, a PepsiCo também extinguiu o uso do plástico que envolvia as embalagens de Toddynho. Apenas com a retirada deste item, há uma redução estimada de mais de 223 toneladas do material por ano. A marca também já iniciou a substituição dos canudos de plástico para papel, o que propiciará uma redução de outras 148 toneladas de plástico ao ano.

“Como uma das principais empresas de alimentos e bebidas do mundo, reconhecemos nossa responsabilidade de impulsionar a economia circular do plástico e o papel significativo que podemos desempenhar, trabalhando para mudar a forma como a sociedade produz, utiliza e descarta plásticos. Estamos em uma jornada crescente de desenvolvimento sustentável e temos investido financeiramente e, principalmente, com nossos talentos e experts da sociedade para alcançar nossa visão de plásticos sustentáveis, garantindo que nossas embalagens não se tornem resíduo”, declarou o presidente da PepsiCo Brasil Alimentos, Alexandre Carreteiro.

Nos últimos dois anos, a PepsiCo investiu mais de US$ 50 milhões para projetos de reciclagem e educação ambiental em todo o mundo, em ações para a ampliação, melhoria e profissionalização da infraestrutura de reciclagem em projetos proprietários e parcerias. As bases do compromisso da companhia sobre reciclagem de plástico estão fundamentadas em quatro metas globais principais até 2025, que incluem tornar 100% das embalagens recicláveis, compostáveis ou biodegradáveis (esse percentual está em 90% atualmente) e atuar pela educação da sociedade para fomentar a reciclagem; reduzir 35% a quantidade de plástico virgem em todo o negócio de bebidas, o que equivale à eliminação de 2,5 milhões de toneladas métricas, quantidade essa que equivale a cerca de 17 estádios de futebol do tamanho do Maracanã; aumentar para 25% o conteúdo reciclado nas embalagens de plástico e 33% de rPET em embalagens de bebidas; dentre outros avanços.

Posts Relacionados

Fique por dentro de nossas novidades