Carrefour e CUFA lançam estágio e graduação para pessoas negras da periferia

Selecionados terão até 80% dos estudos cobertos e uma vaga de estágio da companhia

Com o objetivo de promover maior equidade nas relações de trabalho, o Grupo Carrefour Brasil, com o apoio da CUFA – Central Única das Favelas, abriu a primeira etapa do Programa de Estágio Afirmativo 2021. Diferente dos programas comuns de estágio, que contratam pessoas que já ingressaram na graduação, o projeto deverá selecionar pessoas que vão ingressar na universidade e terão até 80% dos estudos custeados pela companhia.

A iniciativa faz parte dos compromissos firmados pelo Grupo Carrefour com a sociedade em combate ao racismo e visa gerar oportunidades para pessoas negras em situação de vulnerabilidade, das regiões periféricas da cidade de São Paulo, para ingressarem na graduação e no mercado de trabalho de maneira conjunta.

A primeira turma buscou candidatos nas favelas de Paraisópolis, Brasilândia, Parque Santo Antônio, Heliópolis e 10 10, que deverão passar pelo processo seletivo realizado pela Companhia de Estágios. Entre as etapas do processo, os candidatos passarão por testes, painéis com gestores do Carrefour, até chegarem ao vestibular para ingressarem na Universidade.

“É muito importante que o Carrefour entre com a gente na missão de implementar uma agenda antirracista em toda a sociedade, abrangendo todas as esferas. É um grande passo na nossa causa que um grupo desse porte tenha assumido o desafio de incluir mais jovens pretos no mercado do trabalho, dando apoio a eles desde a base”, pontuou Celso Athayde, fundador da CUFA.

Desenvolvimento

Os novos estagiários passarão por uma trilha de aprendizado e imersão nos negócios da empresa, proporcionando vivência em todos os formatos, e deverão ocupar vagas corporativas na sede do Grupo e no Banco Carrefour. As posições poderão ser ocupadas nas áreas de tecnologia, financeiro, comercial, sustentabilidade, jurídico, marketing, têxtil, compras e postos de combustível.

O programa de estágio possui duração de 2 anos e além do custeio dos estudos e da bolsa-auxílio, os selecionados terão benefícios de assistência médica, seguro de vida, vale-transporte, vale-refeição, descontos no cartão Carrefour.

“Entendemos que além de abrir vagas precisamos ir mais a fundo e proporcionar condições para que esses jovens sejam incluídos e tenham um futuro promissor, por isso incluímos no programa a graduação em bacharelado ou tecnologia”, afirma Daniela Faria, gerente de Treinamento e Desenvolvimento Organizacional do Grupo Carrefour Brasil.

Os futuros estagiários poderão optar por cursos superiores de 2 e 4 anos. No caso de cursos de Tecnólogo o Carrefour se responsabilizará pelo pagamento de 80% da mensalidade até o final dos estudos e para os cursos de bacharelado, a empresa será responsável pelo pagamento de 80% no período de 2 anos. Após esse período, a bolsa será de 50%. As inscrições para os candidatos das favelas de Paraisópolis, Brasilândia, Parque Santo Antônio, Heliópolis e 10 10 seguem abertas até o dia 23 de julho.

“Mais do que proporcionar a inclusão, acreditamos que esse seja um movimento para transformar histórias e gerar oportunidades de desenvolvimento que valem para a vida toda”, finaliza Daniela.

Posts Relacionados

Fique por dentro de nossas novidades